NR-13 Norma Regulamentadora Cursos Laudos

A Norma Regulamentadora Número 13, mais conhecida como NR13 é parte dos conjuntos de normas que foram criadas pelo Ministério do Trabalho que estabelecem critérios para o trabalho realizado com caldeiras e vasos de pressão.
A NR13 aplica normas para que a operação dos vasos de pressão seja a mais segura possível, seu maior objetivo é proteger todos os funcionários que trabalham em indústrias que fazem o uso dos vasos de pressão em suas operações.
A NR13 foi elaborada de acordo com as verificações realizadas em equipamentos que causaram acidentes por falta de válvulas de segurança, utilizando tais experiências para estabelecer regras considerando primeiramente as válvulas de pressão e vasos de pressão.

Onde se aplica a NR13

A NR13 determina que as normas devem ser aplicadas em todos os equipamentos enquadrado no anexo III do manual NR13, até mesmo os equipamentos considerados auxiliares de unidades, como filtros, resfriadores de óleo, geradores de motores, bombas entre outros.
A NR13 estabelece que todos vaso de pressão deve ter em seu corpo, em local visível e de fácil acesso uma placa com as seguintes informações:

• Nome do fabricante;
• Número de identificação do equipamento;
• PMTA;
• Ano de fabricação;
• Código de projeto e ano de edição;
• Categoria do vaso de pressão;
• Na placa também deve conter informações sobre a classe do fluido, categoria de risco e grupo de risco;

Regras da NR13 referentes a inspeção

A NR13 determina que no caso de vasos de pressão novos, o inspetor de fabricação averigue se o projeto está dentro dos padrões estabelecidos. Portanto o inspetor responsável pela inspeção inicial, deve verificar com o fabricante do vaso de pressão, se ele está dentro dos padrões estabelecidos pela NR13, verificando também itens como: documentação, prontuário, placa de identificação, conferindo se as informações e os dados estão corretos.
Os vasos de pressão só devem ser liberados para operação, depois de todos os requisitos da NR13. Todos os vasos de pressão após início de operação, devem ser submetidos a inspeções periódicas, sendo que todas as informações obtidas durante a inspeções devem ser anotadas em um relatório que deverá ficar disponível para consulta durante as inspeções extraordinárias ou sempre que o equipamento apresenta qualquer anormalidade.
Caso o vaso de pressão apresente qualquer anormalidade, ele deve sair de operação, ser classificado como fora das conformidades e só voltar a operação quando os problemas forem resolvidos.

Se aplicada com eficiência, a NR13 tende a aumentar a vida útil dos equipamentos, além de garantir a segurança dos funcionários e todos que estão no ambiente onde se encontra o vaso de pressão. Cabe à indústria cumprir as normas e fazer qualquer mudança ou adaptação para que o equipamento fique dentro dos padrões estabelecidos pela NR13. Gostaria de fazer alguma observação ou ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários que em breve responderemos!
laudonr13